Manter o site, de um modo geral custa tempo e dinheiro, mas fazemos isso porque acreditamos que o nosso trabalho é importante. Saiba mais

Encontre o local que faça a coleta ou e reciclagem dos resíduos sólidos e perigosos. Clique aqui

Porque substituir os potes feitos de plásticos pelos de vidros?

Substâncias químicas que podem fazer muito mal à saúde

É fato, as pessoas precisam ter mais consciência com relação a natureza – evitar que cada vez mais produtos que não são bio degradáveis e recicláveis sejam jogados no meio ambiente, através da reeducação dos hábitos de consumo. No entanto, é preciso ficar mais atento a outro problema:  os recipientes feitos de plásticos que são utilizadas nos alimentos.

Hoje em dia existem diversos tipos de recipientes feitos de plásticos que aparentam ser higiênicas, relativamente não quebram e ainda são mais baratas que outros produtos – no entanto não são nada apropriadas para guardar alimentos. O problema ocorre não só com as embalagens descartáveis encontradas nos produtos industrializados mas também naqueles vasilhames, também chamados de tupperware.

Dependendo do material empregado, recipientes feitos de plásticos contém diversas substâncias químicas que podem fazer muito mal à saúde. O problema está nos chamados bisfenol A (BPA) e ftalatos. Esses elementos agem como toxinas no corpo humano, uma vez que passam do plástico para os alimentos, atuam como desreguladores de hormônios, pois imitam hormônios naturais que provocam diversas ações no organismo. Portanto, é sempre bom dar preferência aos recipientes feitos de vidro, cerâmica ou aço inox.

Sempre evite:

  • Aquecer o plástico (a libertação tóxica é maior);
  • Comprar produtos de vidro que contem partes em plástico;
  • Alimentos embalados em embalagens de plástico;
  • Reutilizar as embalagens de produtos que vinham embalados para conservar alimentos em casa, (essas embalagens ainda são em pior qualidade pois foram pensadas para terem uma vida curta).

Motivos para substituir os potes plásticos pelos de vidros:

  • Podem ser aquecidos, sem liberar substâncias químicas que podem fazer muito mal à saúde;
  • Os recipientes em vidro são mais bonitos;
  • Não estragam facilmente, (os de plástico ficam muitas vezes com aspecto de “usado”, amarelado e com cheiro);
  • São relativamente ecológicos e renováveis na natureza, ou seja, podem ser facilmente recicláveis.